FIEM termina e divulga a Carta de Toledo denunciando a crise da saúde na América Latina e Caribe e defende médicos e população

17 de maio de 2018
O XI Fórum Ibero-americano de Entidades Médicas (FIEM) realizado em Toledo, na Espanha, terminou no dia 12 de maio e dentre os pontos aprovados durante o evento foram política sanitária, o desafio do acesso e preço dos medicamentos no mundo, redes sociais e inteligência artificial na área da saúde, machismo e novas formas de violência de gênero.  Mais de 15 países participaram e integram as discussões. 
 

Foram quatro dias de evento, que resultaram na Carta de Toledo, que denuncia a crise da saúde pública na América Latina e Caribe e defende os médicos e a população. Confira os documentos:


Declaracion de Toledo 


Conclusiones


Resolución 

Publique seu comentário