Paraná: sindicato reverte valor de multa ao combate do câncer infantil

Notícias1 de outubro de 2021
Paraná: sindicato reverte valor de multa ao combate do câncer infantil

O Sindicato dos Médicos no Estado do Paraná (Simepar) destinou o valor de R$ 50 mil de multa recebida em ação trabalhista para o Complexo de Saúde Erasto Gaertner, para ser utilizado no tratamento de crianças com neoplasia (câncer infantil), pelo Hospital Erastinho.

A ação trabalhista que gerou a multa foi movida pelo Simepar contra o Município de Campina Grande de Sul, que contratava médicos e médicas de forma terceirizada. O Juiz José Roberto Gomes Junior, da 13ª Vara do Trabalho de Curitiba, determinou o fim da terceirização dos profissionais médicos, além do pagamento de multa pelo Município.

O Simepar e o Município de Campina Grande do Sul firmaram um acordo em que ficou decidido a reversão da multa em ações sociais, entre elas o Complexo de Saúde Erasto Gaertner.

Referência para tratamento de câncer infantil

De acordo com informações da instituição beneficiada, o recurso será destinado para a aquisição de um micrótomo rotativo e uma placa de resfriamento para blocos de parafina que serão utilizados no Laboratório de Anatomia Patológica (LAP) que atende as demandas do Hospital Erastinho.

O LAP é um setor estratégico para o atendimento assistencial de excelência prestado a todos os pacientes. Os diagnósticos, específicos e detalhados, contidos nos pareceres (laudos) emitidos pelos médicos patologistas fazem parte do conjunto informações para o planejamento terapêutico e para definição do prognóstico (tempo de sobrevida) dos pacientes.

A capacidade e velocidade de processamento das amostras biológicas, em especial no setor de histotécnica, são cruciais para que o diagnóstico de câncer possa ser feito no menor tempo possível, já que parte do sucesso do tratamento está na dependência da precocidade do início das terapias.

Com a inauguração do Erastinho, que rapidamente está se tornando centro de referência em tratamento oncológico para crianças e adolescentes, houve um significativo aumento da demanda, por aumento do número de exames a serem realizados e pela complexidade diferenciada para o adequado diagnóstico das neoplasias do grupo infantojuvenil.

“O LAP, por meio de seus colaboradores e patologistas, tem atuado no sentido de garantir alto nível de assistência laboratorial. Em termos de equipamentos, em especial os que permitem a automação, o controle dos processos pré-analíticos, a digitalização e aplicação de ferramentas computacionais (inteligência artificial e aprendizado de máquina), temos um importante caminho a percorrer. Esta destinação de recursos do Simepar vai colaborar com a ampliação e modernização da capacidade de processamento de amostras no setor de histotécnica, atendendo adequadamente as necessidades de qualidade e celeridade nos diagnósticos para os pacientes, inclusive do Erastinho”, afirma Dr. Sérgio Ioshii, chefe de Serviço de Anatomia Patológica do Complexo de Saúde Erasto Gaertner.

Sindicato selecionou instituições para novas doações

Outros projetos e entidades beneficentes receberão recursos de multas resultantes de ação do Simepar. Entre eles a Associação Hospitalar de Proteção à Infância Dr. Raul Carneiro; Associação Espírita Beneficente Caminheiros do Bem; Associação de Atendimento e Apoio ao Autista (AAMPARA); Associação Padre João Roberto Ceconello; e a Casa de Acolhimento Anjo da Guarda, de Campina Grande do Sul.

Segundo o presidente do Simepar, Dr. Marlus Volney de Morais, as entidades e projetos foram selecionados por mérito e beneficência social. Também foram consideradas necessidades dos médicos e médicas afetados direta e indiretamente pela Covid-19.

Também estão sendo desenvolvidos projetos voltados aos médicos e médicas, contemplando auxílio financeiro, atendimento psiquiátrico e ações de capacitação, com cursos gratuitos.

Mais informações sobre os projetos voltados aos médicos e médicas serão publicadas em breve. Fique atento/a ao site e às redes sociais do Simepar.

Fonte: Simepar

Posts Relacionados

Publique seu comentário