RJ registra primeiros casos de febre amarela no Grande Rio

13 de junho de 2017
A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou nesta segunda-feira (12) que registrou três novos casos de contaminação por febre amarela silvestre em humanos no Estado do Rio. Dois deles foram nos municípios de Niterói e São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio. O terceiro caso foi registrado no município de Macaé, onde também foi registrado um novo óbito causado pela doença.

O município de Macaé já tinha outros três casos da doença e uma morte registrados. Com isso, o número de mortes provocadas pela febre amarela no Estado sobre para oito. Outros casos aconteceram nos municípios de Casimiro de Abreu, Porciúncula, Maricá, Silva Jardim e Santa Maria Madalena. Ao todo, 21 casos da doença foram registrados em humanos no Estado.

Em Macacos, a SES divulgou nove casos registrados com contaminação nos municípios: São Sebastião do Alto; Campos dos Goytacazes; Maricá; Carmo; Rio das Flores; Macaé; Petrópolis; Macuco e Santa Maria Madalena.
 
Fonte: G1-RJ

Related Posts

Post your Comment

Notícias Recentes

Fenam e IBDM articulam estratégias para acelerar aprovação do Piso Salarial dos Médicos
Presidente da Fenam participa de reunião de Conselho da AgSUS
Em busca de benefícios para associados, Fenam se reúne com UnyleyaMED
Manifestação da Fenam em defesa da dignidade médica