Por intervenção do SIMEGO, Ipasgo não fará descredenciamentos

Notícias15 de março de 2021
Por intervenção do SIMEGO, Ipasgo não fará descredenciamentos

Em um ofício encaminhado ao Instituto de Assistência dos Servidores Públicos de Goiás (Ipasgo), o SIMEGO questionou se o processo de recadastramento dos médicos no plano poderia causar um descredenciamento em massa, o que iria gerar prejuízos à assistência prestada à população.

Em seguida, o Ipasgo emitiu uma nota pública e esclareceu que não haverá esse descredenciamento, mas ressaltou a necessidade dos profissionais, que desejam continuar com os atendimentos por meio do Instituto, de se recadastrarem.

Confira um trecho da nota emitida pelo Ipasgo:

“O Ipasgo ressalta que todos que participarem regularmente do processo de credenciamento e que atenderem às exigências de habilitação e qualificação profissional do Edital de Chamamento Público serão habilitados e estarão aptos a celebrar contrato, de acordo com a oportunidade e conveniência.”

O SIMEGO se mantém atento a todas as notícias sobre esse assunto. Em janeiro, a presidente do Sindicato, Franscine Leão, a advogada, Priscila Lopes, e o secretário de trabalho, Robson Azevedo, se reuniram com o presidente do Ipasgo, Hélio José Lopes, para tratar sobre as principais dúvidas acerca do recadastramento. 

Posts Relacionados

Publique seu comentário