Cremerj discute a crise no Hospital Federal de Bonsucesso (HFB-RJ)

Notícias4 de dezembro de 2018

A crise enfrentada pelo Hospital Federal de Bonsucesso (HFB), no Rio de Janeiro, foi discutida, na noite desta segunda-feira (03), em reunião realizada na sede do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj). Além do presidente do Cremerj Sylvio Provenzano e de outros conselheiros,  participaram da reunião, o presidente da FENAM, Jorge Darze, o presidente do Corpo Clínico da unidade Baltazar Fernandes e outros médicos do HFB.

Diante do relatório apresentado sobre a grave situação do hospital, Provenzano assumiu o compromisso de solicitar uma audiência às autoridades da área de Segurança para relatar as ameaças que vêm sendo feitas aos médicos da unidade. 

Já o Corpo Clínico do HFB está encaminhando ao Ministério Público Federal uma série de denúncias sobre a atual direção do hospital, que deixou a unidade desabastecida, com déficit de médicos, principalmente na Emergência, que foi aberta de forma irresponsável, sem possuir o número suficiente de médicos que garanta o seu funcionamento de forma segura.

FENAM cobra do MS a exoneração da atual direção do HFB

O presidente da FENAM está solicitando ao Ministro da Saúde a exoneração da atual direção pela sua total incapacidade para gerir o hospital. A FENAM está também recorrendo ao futuro ministro da Saúde, Henrique Mandetta, para discutir a situação dos hospitais federais do Rio de Janeiro. O objetivo é acabar com as indicações políticas para os cargos de direção, a fim de que a comunidade hospitalar passe a fazer essa escolha, a partir de critérios de qualificação.

Posts Relacionados

Publique seu comentário