Dia Mundial da Água é celebrado neste dia 22

21 de março de 2018

O Dia Mundial da Água foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) no ano de 1992 devido à importância da discussão sobre o tema. Problemas como a escassez da água e a baixa qualidade causada pela poluição são questões que devem ser levantadas, uma vez que a água é um recurso finito e necessário à sobrevivência humana.

A água é extremamente importante para regular o ciclos naturais do planeta, para permitir a produção de alimentos e é condição necessária para a manutenção da vida na Terra. Como o corpo humano se constitui 70% de água, todas as reações químicas para nos manter vivos necessitam, obrigatoriamente, de água.

Segundo estudos, estima-se que apenas 1% de toda a água no mundo está disponível para o consumo humano. A disponibilidade dessa água, entretanto, não é uniforme, existindo lugares mais abundantes nesse recurso e outros mais escassos, provocando inúmeros conflitos.

Além dos conflitos, a não potabilidade da água também vem se tornando um problema. A poluição causada pela ação humana faz com que a água, apesar de estar disponível, fique imprópria para o consumo humano. Segundo dados do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), cerca de 1.400 crianças com menos de cinco anos de idade morrem todos os dias em decorrência da falta de água potável, de saneamento básico e de higiene.

A ONU estima que 25% da população mundial não tem acesso à água potável. Apesar do Brasil ser abundante nesse recurso, possuindo 12% de toda a água doce do planeta em seu território, estatísticas da ONU indicam que 58% dos municípios brasileiros não tem acesso à água tratada. 

Diante desse cenário, é necessário que toda a população contribua para a preservação da água, fazendo o uso racional e sustentável dos recursos hídricos e evitando jogar dejetos em rios, mares e oceanos. Além disso, é preciso que os governos promovam políticas públicas para um melhor gerenciamento e gestão dos recursos hídricos.

Fórum Mundial da Água 2018

Organizado a cada três anos pelo Conselho Mundial da Água, o Fórum Mundial da Água conta com a presença de governantes de diversos países, além de representantes da academia, da sociedade civil, de empresas e de organizações não governamentais. O Fórum tem como objetivo levar a discussão a nível global para visar o uso racional e sustentável dos recursos hídricos.
 
Em 2014, o Brasil foi escolhido para sediar o VIII Fórum, sendo Brasília a cidade escolhida. Tendo já passado por países da África, da América, da Ásia e da Europa, pela primeira vez o Fórum seria realizado no Hemisfério Sul. Foi estipulado que o evento ocorreria entre os dias 18 e 23 de março de 2018.

Para o ano de 2018, a ONU estipulou que o tema do Dia Mundial da Água seria “Soluções Naturais para a Água”. Com isso, no dia 19 de março, durante abertura do VIII Fórum Mundial da Água, em Brasília, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) lançou o Relatório Mundial das Nações Unidas sobre Desenvolvimento dos Recursos Hídricos 2018, incentivando a busca por soluções que usam ou simulam processos naturais para o aperfeiçoamento da gestão da água no mundo. Entre os exemplos presentes no relatório, destacam-se os banheiros secos, onde os dejetos não seriam jogados na tubulação e sim utilizados para produzir composto orgânico, e as cidades-esponja, em que construções têm a capacidade de absorver a água da chuva.


Fonte: FENAM 

Posts Relacionados

Publique seu comentário