Presidente da FENAM fala ao RJ1TV sobre a superlotação e falta de atendimento no Hospital do Andaraí