Pagamento da diferença da gratificação dos médicos federais será solicitada ao governo pela Frente Parlamentar da Medicina

Notícias26 de abril de 2019

O presidente da FENAM, Jorge Darze, foi recebido, nesta quinta-feira (25), em Brasília, pelo deputado Hiran Gonçalves (PP/RO), presidente da Frente Parlamentar da Medicina do Congresso Nacional, para falar sobre a gratificação por desempenho dos médicos federais. A intenção do líder médico foi mobilizar a Frente Parlamentar e assim unificar os esforços no sentido de que, na negociação com o governo federal, se encontre o quanto antes uma solução para efetivar o pagamento da diferença do valor dessa gratificação. “Não vamos desistir até que seja corrigida essa grande injustiça cometida pelo governo, há mais de cinco anos, e que, desde então, vem obrigando os médicos federais a receberem gratificação menor que das demais categorias de nível superior do Ministério da Saúde”, destacou Darze.
  A FENAM iniciou sozinha essa luta que, após ter sido levada pelo seu presidente para discussão no Encontro Nacional das Entidades Médicas (ENEM), recebeu uma moção de apoio daquele fórum, e passou a ser também uma das bandeiras de luta da Frente Parlamentar da Medicina.  
  O deputado Hiran Gonçalves assumiu como sua responsabilidade e da Frente Parlamentar a elaboração de um decreto legislativo, na Câmara dos Deputados, que recomende ao ministro da Saúde a adoção das medidas administrativas necessárias para que o governo federal corrija essa distorção. O parlamentar afiançou que a proposição será apresentada já na próxima semana.

Posts Relacionados

Publique seu comentário