FENAM participa de audiência pública para discutir Programa Mais Médicos

25 de outubro de 2017
Nesta terça-feira (24), o diretor de Assuntos Jurídicos da Federação Nacional dos Médicos (FENAM), Dr. Eglif de Negreiros Filho, participou de audiência pública sobre o Programa Mais Médicos da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), no Senado Federal, em Brasília (DF). 


A audiência faz parte de um plano de trabalho para avaliar o funcionamento do Programa Mais Médico aprovado pela CAS. Sendo solicitada pela senadora Lídice da Mata (PSB/BA) através do requerimento nº 131, de 2017 com o objetivo de debater com autoridades e especialistas temas como o financiamento do programa, o risco de cortes de verbas, o plano de carreira da categoria e o convênio para a contratação de médicos cubanos.


 

De acordo com o diretor da FENAM, há uma redução do orçamento para o programa, logo, não há um número adequado de profissionais. Também há dificuldade de abertura de novas vagas. Além disso, o Mais Médicos precisa privilegiar mais os profissionais do Brasil. “O programa contempla mais os médicos estrangeiros, há poucos médicos brasileiros atuando no programa”, relata. 


Para o vice-presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Wilames Freire Bezerra, o Mais Médicos precisa de mudanças. “Hoje é necessário um avanço da lei, um replanejamento, mais de mil municípios não conseguem participar do programa”, declara. Bezerra considera também que é importante um aumento do número de vagas para os médicos. 


Publique seu comentário