Servidores lotam galerias da Alerj para acompanhar votação dos vetos de Pezão

31 de agosto de 2017
Servidores públicos das áreas da Saúde, Segurança e Educação ocupam, desde as 13h, as três áreas de galeria da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). Eles aguardam a votação dos vetos do governador Luiz Fernando Pezão. A previsão é que a sessão comece às 15h. O diretor de Formação Profissional, Residência Médica e Educação Permanente, dr. José Romano, estava presente. 


 

Para os funcionários da Saúde, o interesse é sobre o Plano de Carreira, Cargos e Salários da categoria. Pezão vetou artigo que liberava o estado a discutir um projeto para a categoria. Da área da segurança, o interesse é dos servidores da Polícia Civil. O governador vetou projeto que condicionava a carreira de investigador à graduação em curso superior.


 

Outro projeto que interessa ao funcionalismo é o que pode reduzir os salários de Pezão, e de membros do alto escalão do governo. O governador rejeitou projeto que reduziria seu vencimento em 30%.


 

Caso um veto seja derrubado pelos deputados, ele será sancionado via sanção legislativa, no Diário Oficial do Legislativo. A publicação dá validade ao termo que foi vetado pelo governador.


Publique seu comentário